Bombas peristálticas, o que são, como funcionam e quando usar

As bombas peristálticas receberam esse nome por um motivo muito interessante: elas foram criadas com o objetivo de imitar os movimentos peristálticos, contração e relaxamento naturais dos músculos do estômago enquanto ele digere o seu conteúdo e o encaminha para o intestino. Sendo assim, com o uso das bombas peristálticas na indústria é possível transferir diferentes fluidos de um local para outro independentemente da vazão — pode ser em mililitros por minuto, litros por hora ou qualquer outra unidade de medida que se faça necessária. Neste artigo, vamos conhecer como funcionam as bombas peristálticas, em quais casos elas são utilizadas e as principais vantagens. Continue conosco e boa leitura!  

Como funcionam as bombas peristálticas?

Para entender o funcionamento das bombas peristálticas, vamos começar pela formação da cabeça do equipamento. São duas partes: o rotor e o compartimento. A mangueira fica posicionada entre eles, no que chamamos de “leito de mangueira”, onde ela é espremida. Para empurrar o conteúdo da mangueira, os roletes do rotor se movem sobre ela. A parte da mangueira que fica atrás dos roletes volta ao tamanho normal, criando um vácuo e empurrando o fluido.  

Quais são as suas principais vantagens?

Entre as principais vantagens do uso das bombas peristálticas podemos citar:
  • Pouca (ou nenhuma) necessidade de manutenção;
  • Impossibilidade do fluido voltar pela mangueira;
  • Uso para transporte de fluidos abrasivos;
  • Transporte de fluido sem contato;
  • Sifonação sem uso de válvulas.
 

Quando elas são utilizadas?

As bombas peristálticas são usadas nos mais diversos segmentos da indústria. Entre eles estão:
  • Alimentos e bebidas: as bombas peristálticas são utilizadas para bombear fluidos sensíveis ao cisalhamento como, por exemplo, as leveduras nas fábricas de cerveja e leites, cremes e soros nas indústrias de laticínios;
  • Água e esgoto: o uso das bombas peristálticas trouxe a redução dos custos operacionais para o processo de tratamento de água, além de maior capacidade de sucção, resistência a abrasão e ao cisalhamento, melhor controle de dosagem, funcionamento a seco ilimitado;
  • Cerâmica: por se tratar do trabalho contínuo com produtos abrasivos, o uso das bombas peristálticas reduz os desgastes e as necessidades de manutenção que antes eram frequentes;
  • Mineração: assim como acontece com o manuseio da cerâmica, as bombas peristálticas também são utilizadas devido a sua alta capacidade de resistir a fluidos abrasivos (cobre, zinco, cal, prata e outros). Além disso, esse equipamento consegue trabalhar com lodos onde há até 80% de concentração de sólidos;
  • Papel e celulose: nesse tipo de indústria, as bombas peristálticas também são utilizadas devido à sua ótima performance com produtos abrasivos, além de auxiliar no processo de dosagem de pigmentos;
  • Química: as bombas peristálticas conseguem dosar com precisão os produtos que desprendem gases e fluidos corrosivos.
 

Conheça as bombas peristálticas da Bomserv

Na Bomserv Bombas você encontra as melhores bombas peristálticas disponíveis no mercado. Afinal, atuamos em todos os segmentos da indústria, fornecendo o que existe de mais inovador para aplicações industriais e sanitárias. Agora que você já conhece a funcionalidade do equipamento, as vantagens e como utilizá-lo, é só fazer a compra. Solicite um orçamento agora mesmo!